A modernidade tirou o caráter reativo do RH, que agora precisa ser estratégico e alinhado diretamente aos negócios. Nesse cenário, cabe a reflexão acerca de como se pode aumentar o impacto do RH na empresa como um todo. Uma pesquisa da RH Trend compilou 12 maneiras para atingirmos esse objetivo.

 

  1. O RH fala a língua dos negócios

Existem diversos manuais de RH e muitos profissionais tentam segui-lo à risca, aplicando o que é descrito em todos os capítulos. O ponto de partida deve ser as questões atuais do negócio, sendo uma área preocupada em entender os problemas oriundos de todos os setores para, junto à liderança, criar estratégias para intervir de forma precisa e, consequentemente, trazer resultados tangíveis.

Questão 1: Até que ponto sua equipe de RH fala o idioma da empresa?

 

  1. RH multidisciplinar

Em muitas organizações, a equipe é dividida em diferentes áreas: Finanças, Jurídico, Estratégia, Comunicações, Gestão do Conhecimento, TI, RH, dentre outros. Essa divisão pode levar a disputas de poder entre os departamentos. Qual departamento tem o ouvido do CEO? Qual departamento tem o maior orçamento?

Hoje, a maioria das questões exige uma abordagem multidisciplinar. Exemplo: como podemos conectar nossos funcionários em todo o mundo em diferentes temas? As comunidades globais só podem ser criadas se TI, RH, Comunicações e Jurídico se unirem. O RH está em posição de atuar como um conector entre os diferentes grupos.

Questão 2: Qual a qualidade da sua equipe de RH em conectar as várias disciplinas da organização?

 

  1. RH é mais líder do que seguidor

O RH geralmente é submisso. É comum ouvir o RH dizer “acho uma boa ideia, mas como faço para vendê-la ao meu chefe?”

Um RH protagonista é capaz de estruturar ideias de forma clara e objetiva, se tornando capaz de propor à liderança sem receio de ouvir um não como resposta. Ao se concentrar em evidenciar os ganhos, por exemplo, é possível captar a atenção da diretoria para comprar sua ideia. O importante é arriscar e provar que a participação do RH faz toda a diferença no desenvolvimento dos colaboradores.

Questão 3: Qual descrição se encaixa melhor com sua equipe de RH: líderes ou seguidores?

 

  1. O RH tem princípios claros

Cada organização se beneficiará de princípios claros e transparentes. Os valores das organizações são importantes e o RH pode ser um bom guardião desses valores. ‘Integridade’ é na maioria das organizações um dos valores publicados. Ao traduzir os valores da organização no comportamento desejado para líderes e outros funcionários, o RH pode desempenhar um papel importante. Além disso, na concepção de remuneração e benefícios é importante ser guiado por princípios claros.

Questão 4: O que é um bom RH (ou melhor, “classe mundial”)?

 

  1. RH é flexível

Se você fizer uma pergunta ao RH, a resposta é geralmente: isso não é possível ou não é permitido. Igualdade e justiça geralmente são princípios importantes para o RH. Isso dificulta ao RH fazer exceções, pois se é feito para um, todos virão buscando o mesmo tratamento. Se você deseja promover a diversidade e se tirar o melhor proveito dos funcionários, cabe cada vez menos aplicar regras às quais nenhuma exceção pode ser feita.

Questão 5: Seu departamento de RH é suficientemente flexível e focado nos funcionários?

 

  1. RH tem um senso de humor

É importante que o RH também se permita ter momentos de descontração e que o humor faça parte da rotina. Sempre haverá problemas a serem resolvidos e desafios, mas se o clima é mais “leve” as soluções tendem a aparecer muito mais rápido.

Questão 6: Você pode rir com RH ou rir sobre o RH?

 

  1. O RH gosta de experimentar

Muito tempo é desperdiçado no desenvolvimento e discussão de planos. Enquanto você está discutindo planos, nada acontece. O que queremos muitas vezes não é tão difícil de determinar. Queremos funcionários motivados, que a estratégia seja entendida e as melhores pessoas no lugar certo.

É mais difícil determinar como podemos alcançar nossos objetivos e para isso precisamos de ajuda. Faça um teste com um pequeno grupo e veja se funciona. A inovação não cabe somente à Engenharia. O RH que inova consegue se destacar cada vez mais.

Questão 7: Sua equipe de RH ousa experimentar?

 

  1. RH pode implementar

Como complemento, o RH que inova consegue implementar diversas mudanças que podem ser fundamentais para o desenvolvimento da empresa. Mudanças no âmbito comportamental, por exemplo, podem apresentar resultados rápidos na motivação e disposição dos colaboradores.

Questão 8: Seu RH é bom na implementação de grandes projetos?

 

  1. RH ousa inovar

Muitas organizações desejam copiar outras organizações. Por que você gostaria de fazer o que os outros fazem? Por que você não gostaria de ser inovador e pioneiro? O RH pode assumir a liderança, especialmente porque muitas das práticas atuais de RH precisam ser renovadas.

Questão 9: Sua equipe de RH ousa inovar?

 

  1. O RH tem uma rede forte

A rede de RH pode funcionar como um acelerador. Se o RH tiver acesso rápido a parceiros com conhecimentos exclusivos, ele poderá implementar rapidamente soluções criativas e inovadoras. O RH, como uma aranha na rede de agentes de mudança e funcionários-chave da organização, consegue perceber rapidamente se as mudanças contam com suporte suficiente.

Questão 10: O RH possui uma rede grande e forte?

 

  1. O RH pode calcular

O paradigma de que o RH não é capaz de analisar dados e fazer contas está sendo quebrado. Através do avanço da tecnologia, ficou mais fácil fazer relatórios bem completos e ilustrativos. Cabe, então, o investimento no aprendizado de Excel e outras ferramentas para nos aproximar de uma realidade pautada em resultados.

Questão 11: O RH utiliza as oportunidades oferecidas pela análise de pessoas?

 

  1. O RH vem com soluções práticas

No final, as organizações precisam trabalhar. O RH está disponível com soluções simples e viáveis. Continue se movendo e se adapte à velocidade crescente.

Questão 12: O RH vem com soluções práticas e simples?