No atual mundo dos negócios em rápida evolução, a diversidade colabora para a criação de novas ideias e estratégias que chegam com mais eficácia a todos os públicos. As diretorias corporativas e equipes de pensadores que pensam de maneira rápida, mas que não têm diversidade de perspectivas, opiniões e experiências nem sempre obtêm os melhores resultados.

A diversidade nas empresas promove discussões construtivas, além disso uma organização com uma equipe diversificada tende a ter maior criatividade com equipes multiculturais e o aumento da reputação e produtividade, como resultado do respeito pelas diferenças individuais.

As empresas podem estar perdendo ideias criativas, inovação e lucratividade quando são compostas de pessoas que pensam da mesma forma. O ponto principal é que a diversidade impulsiona a inovação e a criatividade em todos os aspectos e tipos de negócios, desde pequenas startups até agências de publicidade e grandes empresas, só existem ganhos para o ambiente corporativo na aposta pela diversidade e pela inovação.

Benefícios da diversidade nas empresas

A diversidade cria uma melhor compreensão da sua base de clientes. O maior argumento a favor de equipes diversas é quando elas estão envolvidas em tarefas de resolução de problemas e tomada de decisões: essas equipes trazem múltiplas perspectivas para a discussão, aumentando assim a probabilidade de identificar soluções únicas e criativas.

Especialmente, em indústrias que necessitam entender todas as vertentes de seus clientes, como por exemplo a indústria de publicidade focada que visa alcançar uma população cada vez mais diversificada, é fundamental contar com as diferentes gerações que trazem um conjunto de habilidades completamente diferentes e uma mente mais aberta às inovações. É preciso um amplo espectro de diversas mentes, culturas e experiências para conectar-se efetivamente a diferentes públicos.

Desse modo, podemos constatar que é inerentemente errado em um grupo de executivos de meia-idade decidindo como chegar à geração do milênio e, inversamente, um grupo de millennials (termo utilizado para identificar os nascidos na geração milênio, na era da tecnologia e da Internet) ditando como se comunicar com as outras gerações, mas quando trabalham juntos, em um primeiro instante acontece uma divergência de ideias, mas após o impacto de ideias, tudo se ajusta e o conhecimento dá espaço à inovação e tudo isso vira uma coisa só, trazendo só ganhos para a empresa. O mesmo vale para empresas que estão tentando se comunicar com consumidores ao redor do mundo com uma única mensagem. Uma combinação diversificada de mentes permite que a equipe como um todo veja a imagem completa e entenda a melhor forma de se conectar a um determinado tipo de consumidor.

O desafio inspirado pode criar um trabalho melhor. Se todos concordarem de imediato, a decisão de negócios ou a ideia criativa será tipicamente boa, em vez de ótima. Diversidade nas origens, nos estilos de vida e no pensamento cria dissensão, o que leva ao desenvolvimento mais completo e ponderado de uma ideia. O debate é importante para criar buracos nas ideias. Isso é verdade em todas as empresas, especialmente em startups lideradas por uma pequena equipe ou um empreendedor.

Ser questionado ou criticado de forma construtiva pode nem sempre parecer uma experiência positiva, mas apenas leva a uma reflexão maior sobre o como e o porquê. Um grupo de diversos pensadores leva todos a verem uma ideia sob uma nova luz, um processo que muitas vezes é deixado de lado em favor de tornar esses prazos tão importantes. O ato de questionar, debater e lançar ideias de um lado para outro é o que nos leva aos avanços, à inovação e ao grande resultado final.

A promoção de diversos talentos ajudará a criar uma cultura que abraça a diversidade e, em última análise, um ambiente que atraia os melhores talentos que agitarão seus negócios. Ter funcionários que diferem em processos de pensamento, antecedentes, cultura e crenças é fundamental para desenvolver ideias inovadoras e promover o status quo.

Com a nossa população cada vez mais diversificada, assim também deve ser o mundo dos negócios. A diversidade de pensamento é necessária em todos os setores, mas não importa a empresa, origens, culturas, ideias e processos de pensamento, isso só levará a um melhor resultado final.