A satisfação dos funcionários tem uma grande importância para os processos de uma organização, pois através dela é possível compreender se os funcionários estão felizes e motivados em relação às expectativas profissionais e necessidades no trabalho.

A forma como o colaborador se sente na empresa e no ambiente de trabalho pode atingir os resultados, pois a satisfação dos funcionários é um fator na motivação, afetando o alcance das metas e desenvolvimento dos colaboradores no local de trabalho.

Alguns dos fatores que contribuem para a satisfação dos funcionários incluem tratar os funcionários com respeito, fornecer reconhecimento, capacitar os funcionários, oferecer benefícios e compensações, além de uma gestão positiva.

 

Como medir a satisfação dos funcionários?

Para avaliar como o nível de satisfação dos colaboradores as empresas podem utilizar pesquisas anônimas que são administradas periodicamente.

Em uma pesquisa de satisfação são analisados:

  • Gestão;
  • Compreensão da missão e visão;
  • Fortalecimento;
  • Trabalho em equipe;
  • Comunicação; e,
  • Interação com os colegas de trabalho.

Uma outra maneira que pode ser usada para medir a satisfação dos funcionários é encontrar pequenos grupos de funcionários e realizar uma reunião na qual eles possam expressar sua visão sobre a empresa. No entanto, é importante que eles se sintam seguros e sem medo para falar os pontos que acham que poderiam melhorar.

Dependendo da cultura da empresa, e se os funcionários se sentem à vontade para fornecer feedback, qualquer método pode contribuir para entender como os trabalhadores se sentem em sua rotina de trabalho e reconhecimento da empresa.

As organizações precisam compreender que os funcionários satisfeitos raramente saem das empresas. Desta forma, investir em meios que possam ajudar para que todos trabalhem motivados e felizes é primordial para o bom andamento dos processos.

Os métodos para garantir que os funcionários se sintam felizes na empresa variam, pois cada organização adota uma cultura e modelo de gestão adequado ao segmento que atua. Mas de todo modo, todas podem incluir incentivos e métodos que façam com que os funcionários tenham prazer de fazer parte da equipe.

 

Como fazer pesquisas de satisfação bem-sucedidas

Uma pesquisa de satisfação é usada por uma empresa para medir o gosto e a aprovação de um grupo específico de partes interessadas por seus serviços, ambiente de trabalho, cultura ou emprego.

A pesquisa é realizada através de uma série de perguntas que os funcionários respondem para informar o empregador sobre como se sentem ou sobre como vivenciam seu ambiente de trabalho e sua cultura.

O questionário geralmente oferece duas perguntas que pedem aos funcionários que avaliem um aspecto específico do ambiente de trabalho e perguntas abertas que lhes permitem expressar opiniões.

Com perguntas cuidadosamente escolhidas que não levam a respostas específicas, o empregador pode sentir a felicidade, a satisfação e o envolvimento dos funcionários. Quando uma pesquisa de satisfação é usada em intervalos específicos, como anualmente, um empregador pode acompanhar a satisfação do funcionário ao longo do tempo para ver se está melhorando.

 

Pesquisas de satisfação efetivas requerem ações do empregador

Se um empregador decidir usar uma pesquisa de satisfação, ele deve se comprometer a fazer mudanças no ambiente de trabalho com base nas respostas dos funcionários.  Essa é a melhor forma de conseguir ótimos resultados.

As mudanças não são alcançadas apenas de uma parte, é preciso o envolvimento de empregado e empregador trabalhando para que essa relação seja bem sucedida de todas as formas, sendo assim, o comprometimento de funcionários e gestores faz toda a diferença.

A comunicação transparente sobre as mudanças, seus impactos e planos futuros são parte de um processo de pesquisa de satisfação positiva.

Sem a comunicação transparente, relatórios de resultados e atualizações de funcionários, os funcionários não confiarão nos motivos do empregador e na coleta de dados de pesquisa.

Com o tempo, os funcionários deixarão de responder ou responderão apenas com respostas que acreditam que o empregador deseja ouvir. Isso torna inúteis os dados coletados na pesquisa.

O envolvimento dos funcionários na melhoria do ambiente de trabalho com base nos resultados da pesquisa cria um ambiente de responsabilidade compartilhada pela cultura e evolução no local de trabalho. Os empregadores devem evitar que os funcionários acreditem que a satisfação no trabalho é responsabilidade do empregador. A satisfação dos funcionários é uma responsabilidade compartilhada.