O clima organizacional é algo não muito palpável, mas representa a atmosfera social reinante dentro da organização e é um fator a ser levado em consideração quando pensamos na satisfação do colaborador no trabalho. Já que o clima dentro da organização pode ser percebido através do comportamento dos colaboradores e da forma como estes percebem a empresa na qual estão inseridos e de como se sentem naquele ambiente.

Podemos dizer que o clima organizacional é a expressão das percepções, dos sentimentos e das atitudes dos colaboradores diante de aspectos como: valores; políticas; práticas de gestão de recursos humanos; forma de relacionamento entre os colegas; e, das políticas da empresa ao estabelecer metas e retribuir pelo alcance delas.

O clima organizacional é percebido não só na forma como as pessoas interagem dentro da organização, mas também com os clientes e fornecedores externos, assim como no grau de satisfação dos colaboradores em fazer parte daquele ambiente.  Assim, o clima organizacional é a expressão do ambiente interno existente entre os membros da organização e está intimamente relacionado com o grau de satisfação, motivação e desempenho dos seus participantes.

Quando existe um bom clima na organização, a tendência é que a satisfação das necessidades pessoais e profissionais sejam realizadas, o que se traduz em relações de satisfação, de animação, interesse e colaboração no trabalho. Contudo, os colaboradores também podem perceber seu ambiente de trabalho como desagradável, agressivo ou frio, tendo uma percepção negativa do clima organizacional.

Quando o clima é tenso, ocorre frustração das necessidades dos colaboradores, causando descontentamento e podendo levar ao desinteresse, apatia e, em casos mais extremos, a estados de agressividade e inconformismo e a situações em que os membros se defrontam abertamente com a organização, por exemplo, no caso de greves, boicotes, entre outros.

Para que a empresa possa atingir bons resultados, é necessário que os gestores conheçam o conceito de clima, avaliem e busquem gerenciar o clima organizacional de forma que este satisfaça as necessidades dos membros da organização e funcione como um instrumento de agregação e motivação dos colaboradores.

O clima organizacional é algo complexo e abrange a percepção dos colaboradores em relação a algumas dimensões, como:

  • Sentimento de limitação por parte dos colaboradores em relação a regras, procedimentos e políticas da organização;
  • Grau de responsabilidade que os colaboradores percebem que tem para tomar decisões sem consultar superiores;
  • Percepção dos colaboradores em relação à forma como estão sendo recompensados;
  • Receptividade e apoio em relação às outras pessoas na organização;
  • Aceitação em relação à liderança;
  • Percepção sobre o sistema formal e a estrutura da organização (comunicação, remuneração, etc.).

A percepção dos colaboradores em relação a essas dimensões podem ter consequências positivas para a organização, como: sentimento de realização; afiliação; produtividade; baixa rotatividade; satisfação; adaptação; e, inovação. Ou negativas, como: absenteísmo; turnover elevado; problemas de produtividade; qualidade; e, dificuldade de inovar.

Para identificar os fatores que afetam o clima organizacional, os gestores e a área de recursos humanos podem analisar as entrevistas que são feitas no momento das avaliações de desempenho, ou de desligamento, dos colaboradores da empresa e, principalmente, através das pesquisas de avaliação de clima que abrange todos os colaboradores.

A pesquisa de avaliação de clima é uma ferramenta que visa identificar a percepção dos colaboradores em relação aos diferentes aspectos da cultura organizacional, mensurando esses dados de uma forma mais objetiva.  Normalmente é elaborada e aplicada pela área de recursos humanos da empresa ou por uma consultoria contratada especialmente para esse fim.

A pesquisa de clima é sempre um retrato de um determinado momento da organização, facilitando a identificação de problemas e possibilitando que a empresa planeje ações de melhoria e fortaleça os aspectos que são considerados positivos pelos colaboradores e que contribuem para a manutenção de um bom clima organizacional. Mas para que a pesquisa cumpra seu papel é necessário que os diversos níveis gerenciais estejam preparados e dispostos para analisar e implementar as mudanças necessárias, mostrando aos colaboradores que a empresa não só escuta suas demandas, mas se preocupa com o seu bem-estar e está disposta a criar um ambiente de trabalho mais saudável e satisfatório.